Formas de se inspirar novamente | 5 – Adicione, adicione, adicione

posted in Artigos

Formas de se inspirar novamente | 5 – Adicione, adicione, adicione

Hahaha agora para este exercício, você fará exatamente o oposto do exercício anterior “Subtrair, subtrair, subtrair”.

Então para este exercício quando você estiver fotografando uma cena, a cada foto que tirar, tentará adicionar outro elemento (pessoa, objeto, ou elemento de composição).

Esta é uma aproximação mais “maximalista” da fotografia de rua – para criar imagens mais complexas que tem mais camadas, coisas acontecendo – imagens que tem mais complexidade. Geralmente esta tarefa deve ser para fotógrafos de nível intermediário/avançado em fotografia de rua, que já dominam a arte de subtração. (Exercício 4)

É assim que fotógrafos de rua como Alex Webb, Lee Friedlander, Joel Meyerowitz, e Jason Eskenazi trabalham suas fotografias. Eles constantemente adicionam à cena, e levam seus enquadramentos ao limite – ao ponto aonde o caos quase toma conta, mas ainda há forma e ordem.

Quando estiver praticando o exercício “adicione, adicione, adicione” – a chave é tentar fazer com que não aconteça sobreposição dos elementos.

Por exemplo, se você vai fotografar uma cena, tente adicionar espaços negativos (livres) entre os objetos. Se você olhar o trabalho de Alex Webb, verá que normalmente não há pessoas sobrepostas na cena, e que existe um espaço livre entre os objetos.

Além disso se você puder olhar as paisagens urbanas de Lee Friedlander, verá a quantidade de elementos de composição, linhas, formas, prédios, sombras e outras formas ele entulha na foto (sem que haja sobreposição).

Então para essa tarefa vamos dizer que você vê alguém fumando em uma esquina. Tire a foto da pessoa fumando o cigarro.

Então espere um segundo e veja o que mais você pode acrescentar à foto. Talvez na esquina você veja uma criança brincando com uma bola, tente incluir ela na cena.

O que mais é possível adicionar? Bem, no canto esquerdo superior você vê um pombo se preparando para voar. Espere um segundo e talvez ele voe? Se você tiver sorte você conseguirá registrar o momento decisivo, quando o pombo começar a voar.

Agora o pombo já foi embora, o que mais você pode acrescentar? Você vê algumas pessoas na calçada em que você está passando na sua frente. Tente incluir essas pessoas que estão passando desfocadas no primeiro plano da sua foto.

Você pode continuar fotografado assim até conseguir preencher a foto de um canto ao outro.

Veja o quanto é possível acrescentar à sua fotografia antes dela se esgotar. Force os limites.

Um texto de Erik Kim – Tradução livre por André Nascimento | Original em: http://erickimphotography.com/blog/2014/12/19/15-street-photography-assignments-re-energize-re-inspire/

Foto de capa de Alex Webb | Encontrada em http://graphics8.nytimes.com/images/2013/01/07/blogs/20130107-lens-webb-slide-TI5U/20130107-lens-webb-slide-TI5U-superJumbo.jpg